Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer apresenta:

Festa Nacional da Música - De 21 a 24 de Out

Artistas


NETO FAGUNDES

A música entrou na vida de Neto Fagundes através das fitas cassetes que seu pai Bagre colocava para tocar durante as viagens da família. Enquanto o fusca branco rodava o Rio Grande,a trilha sonora eram de clássicos da música italiana e a voz do payador Ataualpa Yupanqui, além de Chamamés e Milongas argentinas.

Nos saraus de fim de semana, Bagre e seus filhos interpretavam Lupicínio Rodrigues, Catulo da Paixão Cearense, Pedro Raimundo e Luiz Gonzaga. O trio participava de festivais cantando música Nativistas, Popular Brasileira, de Protesto e Castelhana.

Euclides Fagundes Neto, mais conhecido como Neto Fagundes nasceu em Alegrete/RS, no dia 15 de agosto de 1963), é um cantor e compositor brasileiro, e um dos mais conhecidos intérpretes de música regional gaúcha.

Neto Fagundes é membro da família Fagundes, conhecida pela contribuição à música regional gaúcha. É o primeiro filho do casal de Bagre Fagundes, compositor e folclorista gaúcho (autor do clássico gaúcho "Canto Alegretense"), e Marlene Vilaverde Fagundes.

Em 1978, então com 15 anos de idade e após de viver um ano em Santa Maria, mudou-se para Porto Alegre, onde começou a estudar Direito na Faculdade Ritter dos Reis, ao mesmo tempo em que apresentava-se em bares nativistas. Abandonou a faculdade em 1982, passando a se dedicar exclusivamente à música.

Em 1991, lançou seu primeiro disco, Gauchesco e Brasileiro. Em julho de 1996, participou do festival Sud a Sul, que levou artistas gaúchos à cidade francesa de Sanary-Sur-Mer. No mesmo ano, apresentou-se com o irmão Ernesto, o pai Bagre Fagundes, o tio Nico Fagundes e a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (OSPA) em um show no Natal Luz de Gramado, para um público de mais de 50 mil pessoas.

No início de 1997, apresentou-se no Teatro Alvear, em Buenos Aires. No ano seguinte, retornou à França, apresentando-se no Carrossel do Museu do Louvre, na capital francesa. Por essa época, passou a apresentar o programa "Encontro", no Canal Rural, transmitido para todo o Brasil, e do programa "Regional Brasileiro", na Rádio Pop Rock de Porto Alegre.

Em 2002, lançou o primeiro CD junto com a Família Fagundes (Nico, Bagre e Ernesto) e em 2004 lançou o segundo. Devido ao adoecimento de seu tio, Neto Fagundes passou a apresentar também o programa Galpão Crioulo, na RBS TV. A partir de 2004, apresentar o programa junto com Nico Fagundes, que faleceu em 2015. Já em 2012, passou a apresentar o Programa Galpão Crioulo junto com a cantora Shana Müller.

Em 2008, lançou um CD com a banda Estado das Coisas, o qual faz parte do projeto Rock de Galpão. No mesmo ano foi convidado a participar, como "estrela móvel", do programa humorístico de rádio Pretinho Básico da Rede Atlântida. Por toda sua contribuição à música popular regionalista, Neto Fagundes será homenageado na Festa Nacional da Música desse ano.

Cadastre-se para
saber mais